O que é e como funciona a Sala Aberta

um espaço colaborativo que reúne arte, design, produtos locais e gastronomia vegetariana.

1496669_10207697282703028_3265795920237309962_n

A Sala Aberta é um espaço colaborativo que tem intenção de reunir, arte, design, produtos locais e gastronomia vegetariana. Sob seu telhado serão abrigados um espaço expositivo, um Café e um estúdio de arte/design/ilustração. Haverá ainda espaço para oficinas, debates e projeções de audiovisual.

As nossas ações visam promover uma relação mais justa de trabalho, democratização da cultura, impacto positivo no meio ambiente, no caso a cidade. Também visa valorizar o espaço público levando em conta a comunidade (vizinhança, passantes) e o entorno (a calçada, a rua, o bairro). A ideia central é a de valorizar a produção independente e de pequena escala (não massificadora) e dar ênfase num modo de criar e produzir coletivo, através de parcerias tanto de trabalho como de produção. As horas trabalhadas serão divididas igualmente por todos os participantes (pagamento em produtos e serviços e moeda social podem ser formas de pagamento para fortalecer a rede). Iremos estimular e difundir gentilezas urbanas (estacionamento de bicicletas, bancos, plantas e mobiliários) como forma de exercer cidadania, fortalecer a noção de comunidade e melhorar a qualidade de vida.

A missão da Sala Aberta é ser um espaço para criatividade colaborativo que fomente e apoie a produção independente, promova o convívio, a troca de experiências, o conhecimento e habilidades entre as pessoas.

Passeando pelo espaço

sala

sala

esse é um espaço multifuncional. Vai comportar exposições de artistas diversos como também exibir/vender a produção interna da Casa (resultados de projetos em parceria na oficina de mobiliário/estúdio, etc) e de parceiros que compartilham com a filosofia da Casa, também pode funcionar como espaço para lançamento de livros e bazares.

 

cozinha

cozinha

Um espaço para estimular a culinária vegetariana e orgânica. Busca servir café e lanches veganos e orgânicos de preparação rápida. Eventualmente, pode oferecer versões mais complexas de menu. O café abrigará mini-biblioteca aberta, música ambiente de vinil/vitrola, e disponibilizará acesso livre a internet (Wi-Fi).

 

modelos inspiradores

Instituto Chão
Associação sem fins lucrativos, preço de venda é o quanto eles pagaram ao produtor.  Sugerem um acréscimo de 35% para cobrir os gastos. Eles tem conseguido se manter nesse sistema.

Preto Café
Associação civil sem fins lucrativos. Não tem preço, a pessoa doa quanto quer. Tem diretores e associados. Os associados podem trocar dias de trabalho pelo o direito de usar o espaço. Imposto de 4% em cima das doações. Atualmente eles conseguem cobrir 70% dos gastos.

Cooperativas
nesse modelo o objetivo principal é a prestação de serviços, pode ter um número ilimitado de cooperados, o controle é democrático: uma pessoa = um voto. Nas assembleias, o “quorum” é baseado no número de cooperados. Retorno proporcional ao valor das operações.

Para acompanhar a programação da Sala Aberta, acompanhe-nos no Facebook.

Para participar, escreva-nos: ola@cidadesparapessoas.com

Compartilhe:

Enviar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *